segunda-feira, 11 de junho de 2012

Lúcifer e Satã

Na verdade a palavra Lúcifer nem existe na Bíblia, foi inventada pelos exorcistas da Idade Média. O nome dele no livro de Enoch é Gadreel, o príncipe dos anjos caídos. Ele foi o anjo que comandou a grande rebelião contra Deus, descrita em Ezequiel na profecia do querubim ungido que ficou contra o Criador. Ele é considerado pela Bíblia como Rei de Tiro por causa das ordens místicas que ele controla na terra, que usam o rito de Tiro. A rebelião dele começou a 4 milhões de anos, quando por sua revolta os continentes começaram a migrar, antes tudo fazia parte de um só continente, a Africa. SATÃ É A ANTIGA SERPENTE, O DIABO E SATANÁS DESCRITO NO APOCALIPSE. É o mestre dos reptilianos ou anjos rebelados do cosmos já antes de Lúcifer cair. Satã foi criado por Deus para se opor a vida e a ordem, como caos e morte. E uma criação de Deus, pois não pode existir movimento sem o mal que temos que vencer para crescer mental e espiritualmente (veja Isaías 45 – Leia todo o capítulo - O ouro é purificado no fogo das adversidades). Os essênios chamavam satã de Melkiresha, o oposto do Espírito Santo. Portanto a diferença é que Satã é mais antigo do que Lúcifer. Lúcifer fez uma rebelião especifica no cosmos e Satã é o pai de todas as rebeliões, criado como OPOSITOR, o nome DIABOLUS é “Aquele que Separa” na linguagem antiga.

Texto retirado de um post de Maquiventa no orkut.